Como abrir sublime no terminal (Linux) sem usar a sessão do terminal

Um dos problemas que eu não enfrentava com o Sublime no MacOS mas achava um pouco chato no Subline no Linux (Ubuntu) é que quando eu abria o Sublime pelo terminal no Ubuntu o aplicativo ficava atrelado a sessão do terminal – não posso usar o termina e se eu fechar o terminal, encerra o Sublime.

Como abrir o Sublime no terminal sem usar a sessão do terminal

O primeiro passo é remover o link simbólico em /user/bin/sublime (ou outro nome que você tenha utilizado para chamar o aplicativo pelo terminal).

rm /usr/bin/sublime

Feito isso vamos criar um pequeno shell que vai abrir o sublime sem estar atrelado a sessão do terminal:

Crie o arquivi /usr/bin/sublime com o seguinte conteúdo:

#!/bin/sh
nohup /opt/Sublime\ Text\ 2/sublime_text $1 >/dev/null 2>&1 &

Se necessário substitua /opt/Sublime\ Text\ 2/sublime_text pelo caminho onde você fez a instalação do Sublime Text.

Salve o arquivo e agora é só abrir o terminal e digitar “sublime” que você terá o aplicativo aberto e pode usar ou fechar o terminal, sem afetar o programa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *