A mais TENEBROSA notícia do primeiro de abril para o desenvolvedor

O prêmio da mais assustadora notícia geek do primeiro de abril vai para o recomendado Tableless , com essa notícia que mistura terror, pânico, monopólio e Microsoft (e eu gosto da Microsoft, sério!).

Claro que a notícia não engana muito mas, se por algum mal maior –  diabo na terra ou sei lá o que – ela fosse verdade, seria no mínimo pesadelo para os desenvolvedores. Gente mudando de religião, de profissão, de crenças…

Vamos ao hoax a brincaideira do Diego Eis – em azul a notícia e em cinza meus comentários:

Microsoft compra W3C

Só este título já é motivo de pânico geral, certo?

Em reunião com a equipe do W3C no começo desta desta semana, a Microsoft e sua equipe entraram em um acordo com o W3C de US$7.4 Milhões.

A Microsoft vem fazendo um bom trabalho com o Internet Explorer 8, mas eles precisam de mais informações relevantes e importantes para o crescimento do novo browser. Por isso a compra do W3C juntamente com suas idéias e integrantes foi importante para fazer com que o Internet Explorer fique na liderança por um bom tempo.

Não sou a favor do monopólio, mas talvez com o IE como o "navegador dos padrões" o desenvolvimento se tornaria mais… fácil?

Horrível para nós desenvolvedores. Com uma entidade como o W3C – que mesmo lerdo em suas decisões – é importante para todos os desenvolvedores que ela fique neutra a qualquer empresa para que não haja monópolio no desenvolvimento web.

Eu me botei a pensar: seria tão ruim assim? E a resposta veio rápido: provavelmente.

A Microsoft disse que não pretende obrigar o desenvolvedor a utilizar código proprietário, mas isso pode vir a ser importante para que o Internet Explorer ganhe força e torne-se inalcansável para todo o sempre.

Diego Eis afirma que isso se trata de apenas uma brincadeira de 1 de Abril e que se o caso acima acontecesse ele começaria a usar Dreamweaver como sacrifício eterno.
Este post se auto-destruirá no final deste dia.

Bom, eu coloquei o post aqui pois não pretendo deleta-lo, e perder o original acabaria com o sentido deste… o que será que aconteceria se a Microsoft tivesse em mãos a W3C?

Acho que isso poderia ter um lado positivo, mesmo na força os outros navegadores seguriam o "padrão do IE", tornando-se finalmente um padrão web. Resultado final: desenvolver pensando em apenas um navegador, seja ele o IE ou não…

Mas minha análise é bastante superficial, e a guerra comercial não permitiria uma solução tão fácil, o que você acha que aconteceria se a Microsoft adquirisse a W3C?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *